Nos últimos anos, é notável o aumento da quantidade de construções com tecnologias construtivas que tendem a preservar o meio ambiente. Para qualificar tais construções quanto ao seu “nível de sustentabilidade”, foi criado, pela ONG americana U.S. Green Building Council (USGBC), uma certificação, a LEED (Leadership in Energy and Environmental Design). A LEED foi posta em prática em 1998, e até hoje possui cerca de 14 mil projetos aprovados ou em fase de aprovação nos 143 países em que é utilizada.

Segundo a Green Building Council Brasil (GBC Brasil), a LEED utiliza sete dimensões de avaliações para os projetos. Cada uma dessas dimensões apresenta requisitos básicos que, quando cumpridos na obra, garantem pontos, que serão contabilizados para a classificação final da construção.

a

A partir da análise dessas dimensões, o nível da certificação é definido, conforme a quantidade de pontos adquiridos, que pode variar de 40 pontos a 110 pontos.

b

De acordo com levantamento realizado pela USGBC, atualmente, o Brasil ocupa a quarta posição no ranking dos países que possuem o maior número de edificações em processo de certificação LEED. Até dezembro de 2011, 429 construções estavam em processo de certificação no país. Na frente do Brasil, no ranking dos países mais preocupados com a construção sustentável, estão apenas EUA, China e Emirados Árabes Unidos, que possuem, respectivamente, 38.940, 807 e 758 empreendimentos em processo de certificação LEED.

Mais informações a respeito da Certificação LEED podem ser obtidas nos links:

http://www.gbcbrasil.org.br/?p=certificacao

http://obrassustentaveis.com.br/site/index.php/selos-e-certificacoes/58-o-que-e-a-certificacao-leed-e-como-obter.html

http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/desenvolvimento/certificacao-leed-o-que-e-como-funciona-o-que-representa-construcao-sustentavel-675353.shtml

 

Anúncios