O intercâmbio é uma proposta engrandecedora para a formação acadêmica de qualquer aluno. Conhecer novos ares e como é o ensino em outras faculdades fora do país, bem como ter uma visão de como é sua futura profissão em âmbito internacional pode ser algo extremamente esclarecedor para o aluno intercambista.

Sendo assim, no dia 22 de Abril de 2015, o grupo PET Civil UEM realizou a primeira edição do evento Diálogo sem Fronteiras, objetivando proporcionar a troca de experiências e solução de dúvidas entre alunos ex-intercambistas e a comunidade acadêmcia, com enfoque no curso de engenharia civil.

dscn6824

Os alunos ex-intercambistas convidados sentavam-se voltados para a plateia, no estilo de uma mesa redonda, junto de um representante da organização do evento, que conduzia a mesa. O apresentador fazia perguntas aos convidados de modo a direcionar as respostas numa linha que abrangesse as experiências mais relevantes ao contexto e, em seguida, parte do tempo disponível foi reservado para interação com a plateia.

DSCN6910.JPG

Nessa edição, tivemos a presença dos alunos Takashi Uyeno e Rodrigo Istchuk, que viajaram pelo Ciências sem Fronteiras para o Japão e Inglaterra, e também intercambistas do programa Marca, o petiano egresso Arthur Lucena e o aluno Solano Bordim.

Como a divulgação dos meios de intercâmbio não é muito notória na universidade, o projeto do Diálogo Sem Fronteiras veio para preencher esta lacuna para os estudantes interessados, divulgando as oportunidades que a universidade oferece. Assim, o evento cumpre o objetivo do PET de complementar a formação acadêmica.

Anúncios